Facebook Youtube
19 de Dezembro, 2017

Irmãs de Maria em Missões no Advento

Filha, chegou a tua hora, vós sois a minha carta!

“É uma vivência que mexe com a gente”, começa contando a Ir. M. Paula Vicentina Quessada sobre o segundo ano de Missões porta-a-porta realizadas pelas Irmãs de Maria de Schoenstatt de Atibaia/SP. Com o desejo de preparar as famílias para o Natal e levar a presença de Cristo e de Maria ao mundo, um grupo de 15 Irmãs visitou cerca de 40 famílias no bairro Caetetuba, em uma região carente da cidade.

As missões ocorreram de 15 a 18 de dezembro com o lema “Filha, chegou a tua hora, vós sois a minha carta!”. A frase é inspirada na homilia de Dom Heinrich Tenhumberg (20.09.1968), quando ele diz: “A vida de nosso Pai e Fundador é a carta de Deus para nós. O livro de sua vida é nosso livro de Deus” (Santa Missa de Exéquias do Pe. José Kentenich). Ir. M. Shaiane Machado explica que “esse lema tem o sentido de sermos um testemunho vivo sobre o Pai e Fundador”, pois, “com as missões, nós queremos levar o Menino Jesus às famílias, para que possam viver o Natal com esse espírito e, também neste Ano Pe. Kentenich, levar a pessoa do nosso Pai para as famílias”.

Foram quatro dias de apostolado, de visita às casas e atividades com crianças, jovens e adultos na Paróquia São Sebastião. Ir. Juliana Maria Nogueira conta: “Na preparação para o Natal, as pessoas ficam mais abertas para as vivências cristãs e para conversar sobre aquilo que é sagrado. Foi uma experiência muito importante. Se pararmos para pensar, não fizemos praticamente nada, somente uma visita, mesmo assim experimentamos Deus nas partilhas, vimos e sentimos Deus”.

Ir. M. Paula Vicentina Quessada recorda: “Você lida com pessoas e elas estão carentes de ouvir um pouco de Deus; as Irmãs querem ser essa presença de Deus para elas. Vimos uma situação de grande miséria, mas de pessoas muito felizes, pois o pouco que possuem é muito para elas”. Segundo a Ir. M. Shaiane, o Instituto das Irmãs procura realizar essas missões em regiões mais carentes da cidade. Nas primeiras experiências, de 2016 e 2017, o local escolhido foi a região do Centro de Educação Infantil Raio de Sol, que é uma creche mantida pelo Instituto das Irmãs de Maria em Atibaia, onde elas ficaram abrigadas no período das missões.

Ir. M. Dulce Oliveira também conta: “As missões foram um momento de graças especiais. A gente realiza isso numa época forte de preparação para o Natal e as pessoas estão mais abertas. Neste ano senti que as famílias estavam mais livres e abertas para conversar conosco e não só elas são missionados, como nós também somos”. As Irmãs de Maria se colocam em saída com a missão de transmitir o amor de Deus a todos e levar a Mãe Peregrina aos lares, mas também retornam com preciosas experiências na bagagem: “As missões são um momento forte na vida deles e na nossa, penso que não podemos negar isso e, sempre que pudermos, precisamos ir ao encontro de todos. A gente aprende muito com eles, procuramos não falar muito, são eles que falam, pois estamos lá para ouvir. Vimos que as pessoas são pobres em todos os sentidos, tanto espiritual como material, mas a gente aprende muito com eles, posso dizer que é uma experiência única e que saí de lá muito enriquecida”, diz a Ir. M. Dulce.

 

Clique para ver as fotos do envio:

 

Fotos: Ir. M. Marcia Carmo Silva

Por: Karen Bueno


Fonte: schoenstatt.org.br


comments powered by Disqus