Facebook Youtube
12 de Fevereiro, 2018

Quando uma visita ao Santuário termina em casamento

“Alguns podem pensar que foi apenas uma coincidência, mas eu prefiro acreditar na Providência”

Márcia Nepomuceno – O dia 13 de janeiro de 2018 marcou a vida do casal Aulísio Paiva e Ariane da Silveira. Depois de um tempo de namoro, eles escolheram essa data para selar sua aliança matrimonial e iniciar uma nova caminhada como esposos. O interessante nessa história é que esse relacionamento surgiu justamente de uma visita ao Santuário. Antes do casamento, ambos experimentaram o amor maternal da Mãe e Rainha, que os atraiu até o seu coração, selando uma Aliança de Amor com cada um para, depois, os unir em uma nova família.

O casal tem uma história de amor singular que desabrochou no jardim no do Santuário. Ela, uma moça tímida, é bacharel em Gestão Ambiental e faz doutorado em Agronomia pela Universidade de São Paulo, na cidade de Piracicaba/SP. Ele, um jovem sonhador e de muita fé, fez licenciatura em Matemática e atualmente faz doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas. Os dois se conheceram no Santuário por ocasião do 1º Encontro Universitário com a Mãe, que aconteceu no dia 13 de setembro de 2014, em Atibaia/SP. Esse encontro entre universidades teve o objetivo de unir os jovens que recebiam a Mãe Peregrina ou que faziam parte do GOU (Grupo de Oração Universitário) para conhecerem o Santuário e selarem sua Aliança de Amor. Os dois foram apresentados e, a partir desse dia, trocaram mensagens e iniciaram uma caminhada de namoro.

No ano seguinte, o encontro universitário se repetiu e mais jovens puderam conhecer o Santuário. O casal aproveitou esse momento para outro passo importante no relacionamento: no dia 19 de setembro de 2015, também no Santuário, veio o pedido de casamento e, assim, partiram da Casa da Mãe agora como noivos. Um gesto singelo e simples, dentro do Santuário, na presença de um sacerdote e de uma Irmã de Maria: Aulísio pediu Ariane em casamento e ali mesmo abençoaram as alianças.

O casamento foi realizado na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Piracicaba. Durante a celebração a Mãe Peregrina recebeu um papel importante, sendo conduzida por uma dama de honra até o altar, antes da entrada da noiva. Na cruz da imagem estavam fixadas as alianças que os noivos trocariam. Ariane é missionária da Campanha na USP e Aulísio já recebia a imagem na Unicamp. Os dois fizeram questão de que ela entrasse. Um ato simples e cheio de amor que demonstrou gratidão à Mãe por tê-los unidos de forma tão especial. O Santuário se tornou, para essa nova família, um lugarzinho predileto e agora os jovens recém-casados querem presentear a Mãe de Deus com um lugar de honra em sua casa, por isso começaram a preparação para instituir um Santuário Lar.

Estamos muito felizes pelos frutos que vemos surgir a partir do primeiro ‘sim’ que foi dado pelos dois no dia da Aliança de Amor. Que muitos jovens que vivem o ambiente acadêmico possam se abrir para receber a Mãe Peregrina e, por meio dela, as graças que lhes são reservadas.

 

Foto: Aline Aragon

 

Fonte: www.schoenstatt.org.br



comments powered by Disqus