Facebook Youtube Instagram
12 de Abril, 2021

“Mãe de Deus e minha”

Recordamos hoje a consagração do Pe. José Kentenich a Maria

“Sabemos que o Padre Kentenich foi consagrado a Nossa Senhora, já antes de nascer. Talvez tenha sido esta consagração um prenúncio do que ele haveria de ser no futuro.”[1] No dia 12 de abril de 1894, Catarina Kentenich, consagrava o seu filho José Kentenich a Nossa Senhora, no Orfanato St. Vincenzhaus, na cidade de Oberhausen/Alemanha.

Um gesto singelo, de prova de amor de uma mãe, que confiou que do céu, havia uma Mãe Intercessora, que cuidaria do seu filho em todas as suas dificuldades e alegrias. “A consagração a Maria foi, certamente, fruto de uma misteriosa condução divina. Anos mais tarde, falando por ocasião de uma consagração a Maria, Padre Kentenich relaciona o acontecimento na capela do orfanato com a entrega total a Deus: ‘a minha insegurança entrega-se agora às mãos mais seguras que se possa imaginar, às mãos maternais (de Maria) e assim, às mãos de Deus’”.[2]

Ato de confiança filial

Se consagrar a Mãe de Deus é um ato de confiança filial, de entrega, sinal de proteção e um ato de amor de um filho para com a Mãe de Deus e nossa também. Do alto da cruz, Cristo nos entregou Maria como Mãe.

“A devoção a Maria é fonte de vida cristã profunda, é fonte de compromisso com Deus e com os irmãos. Permanecei na escola de Maria, escuta a sua voz, segui os seus exemplos. Como ouvimos no Evangelho, ela nos orienta para Jesus: ‘Fazei o que ele vos disser’ (Jo 2,5). E, como outrora em Caná da Galileia, encaminha ao Filho as dificuldades dos homens, obtendo d’Ele as graças desejadas”. (São João Paulo II, 4 de julho de 1980)

Quando Jesus viu sua mãe e perto dela o discípulo que amava, disse à sua mãe: “Mulher, eis aí teu filho”. Depois disse ao discípulo: “Eis aí tua mãe”. E dessa hora em diante o discípulo a recebeu como sua mãe." (Jo 19: 26,27).

Consagração no Santuário de Atibaia

Muitas mães levam seus pequenos até o Santuário para ali entregarem seus filhos aos cuidados da Mãe, Rainha e Vencedora Três vezes Admirável de Schoenstatt. O Santuário Tabor da Permanente Presença do Pai, vai realizar no próximo dia 17 de abril, às 20h, o “Momento com o Pe. Kentenich” com a consagração as crianças.

Você pode participar enviando o nome da criança que deseja consagrar a Mãe de Deus pelo formulário a seguir:

 

[1] BARBOSA, Maria Augusta. Pai e Educador Carismático. 4. ed. Atibaia: Edições Aliança, 2009

[2] Cf. J. Kentenich, segundo testemunho escrito de Ir. M. Christine Pauly, 27.11.1993.

Por: Juliana Dorigo