Facebook Youtube Instagram
20 de Julho, 2021

LAFS celebra seu Jubileu de Ouro no Santuário

50 anos da Liga Apostólica Feminina de Schoenstatt no Brasil

A LAFS (Liga Apostólica Feminina de Schoenstatt) se reuniu à sombra do Santuário Tabor da Permanente Presença do Pai, em Atibaia/SP, para celebrar os 50 anos no Brasil, em unidade com os quatro Regionais. As Representantes da LAFS, Izabel de Lelis da Silva (Cesário Lange/SP), Adriana Cássia dos Santos (Louveira/SP), Rita de Cássia Lourençon (Louveira/SP) e Josilene Terezinha da Silva (Sumaré/SP), participaram e serviram na Liturgia da Missa Jubilar, realizada em 18 de julho na Tenda dos Peregrinos.

"Queremos render graças a Deus pelo Jubileu de Ouro dos 50 anos da Liga Apostólica Feminina de Schoenstatt no Brasil, pois temos muitos motivos para entoar com Maria, o seu Magnificat, louvando e agradecendo a caminhada da LAFS durante todos esses anos, salientando o que nos disse o Pe. José Kentenich em outubro de 1950: “Cada ramo deve empenhar-se para que seja lembrado não somente por palavras, porém também por ações. Se o Espírito de Deus opera nas fileiras da Liga, vai chegar o tempo em que Ele vai levá-la, com força, às alturas”, (Trecho da Monição da Missa Jubilar)

A Missa foi celebrada pelo Pe. Francisco José Lemes Gonçalves, ele acolheu as Liguistas presentes e apresentou a LAFS aos peregrinos: "A Liga é um braço para a Igreja local, na Diocese e para a Família de Schoenstatt", disse o Sacerdote. Em sua homilia dirigindo palavras à Liga, o Padre ressaltou: "A Liga é apostólica, portanto, sejam apóstolas e discípulas para esse tempo! Em tempos difíceis, se faz necessário brilhar ainda mais o ouro da coroa da Mãe Três Vezes Admirável. Sejam presenças vivas, não uma luz ofuscada pelas dificuldades e desafios da vida. Esse brilho deve resplandecer nos lugares onde a LAFS ocupa responsabilidades, cargo profissional, atividades pastorais e na família...sejam mulheres corajosas e audaciosas, a exemplo do nosso Pai e Fundador, o Pe. José Kentenich, ousar para conquistarem mais mulheres para a Liga”.

Na Oração da Assembleia foi mencionada uma prece em especial ao Senhor, pedindo para fortalecer o caminho da Liga Apostólica Feminina de Schoenstatt, neste ano Jubilar, para que cada integrante, semelhante à Maria, seja protagonista do nosso tempo, oferecendo seus dons e sacrifícios em favor da fecundidade do Ramo através da vivência do ideal.

"Foi um momento de graça onde realmente me senti emocionada, estou ainda conhecendo a LAFS, porém, já sinto que é o meu lugar. Ao adentrar na nossa sala pela primeira vez como Liguista, foi um momento único de pertença.  Entrei na Lafs no momento de muitas comemorações e até mesmo sem entender estava presente, foi algo maior, me senti mesmo sendo uma protagonista da história, de ser um Tabernáculo Vivo no mundo irradiando Schoenstatt e Maria por onde passo”, diz Josilene Terezinha da Silva.

“Como portadoras de um grande passado e presente alegremente celebramos, em unidade, o dia da fundação do nosso Ramo, juntamente com toda a família de Schoenstatt e como construtoras de um grande futuro, Guardas e Portadoras do Tesouro: o Tabernáculos Vivo, suplicamos à Mãe que continue atuando através do lema Jubilar "Contigo Rainha, Sejamos Protagonistas da História!” (Trechos da carta Jubilar da LAFS).

Ao final, o Pe. Francisco conduziu um momento de oração e entrega junto a LAFS, confiando à São José, os projetos e os próximos passos da Liga. Os presentes seguiram em Peregrinação ao Santuário junto com as Liguistas, renovaram a Aliança de Amor. Em silêncio, cada uma fez uma reflexão e oração pessoal, também foram queimados os Capitais de Graças e o Padre proferiu a oração e benção especial para as Liguistas.

 

50 Anos da Lafs no Santuário

 

Fotos: Ir. Diná Souza

Por: Adriana Cássia dos Santos